Morre o jornalista Jorge José de Satana, pioneiro da TV pernambucana

 

No início desta segunda-feira, dia 05, aos 87 anos, o jornalista e escritor Jorge José Barros de Santana faleceu no Hospital Memorial São José, localizado na cidade do Recife. Segundo informações da família, o óbito foi consequência de complicações relacionadas a um câncer ósseo que o jornalista vinha enfrentando.

Com uma sólida contribuição para o cenário da comunicação, Jorge destacou-se também como professor universitário. Ao longo de sua carreira, lançou obras que abordavam a história do rádio e da televisão em Pernambuco, assim como dedicou-se a registrar os acontecimentos e profissionais da imprensa local. Seus escritos também versaram sobre os gestores públicos, contemplando prefeitos e governadores do Estado.

Jorge José Barros de Santana compartilhava sua vida com a jornalista Carmen Peixoto, com quem teve três filhos e cinco netos. O velório está sendo realizado no cemitério Morada da Paz, situado em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, com horário de 9h às 13h.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem