Professor suspeito de abuso de vulnerável contra criança é preso

 

Um professor foi detido no domingo (7) acusado de estupro de vulnerável, após denúncia de abuso sexual contra uma criança de 8 anos, na localidade da Tamarineira, Zona Norte do Recife, conforme relato da Polícia Civil. A mãe da vítima revelou que os abusos teriam ocorrido durante duas aulas ministradas pelo acusado.

Identificado como Francisco Nery Alves da Silva Neto, 34 anos, o suspeito é músico e leciona educação física. Sua prisão foi efetuada pela Polícia Civil em cumprimento a um mandado relacionado ao crime de estupro de vulnerável.

A defesa de Francisco Nery alega que o processo está em sigilo judicial e sustenta a inocência do cliente. Em consonância com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), os nomes da criança e da mãe não serão divulgados neste relato.

Segundo a mãe da criança, ela mantinha amizade com o professor, conhecido por sua atuação na música e em diversas formas de arte, além das aulas de educação física. Ela afirmou que frequentava a residência do acusado, onde este oferecia aulas, mas ressaltou não ter presenciado os supostos abusos. A mãe mencionou que confiava no professor, descrevendo-o como discreto e ciente dos limites para evitar escândalos.

Após ter conhecimento do ocorrido, a mulher dirigiu-se ao Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), localizado no bairro da Madalena, Zona Oeste do Recife. O professor, após sua prisão, foi encaminhado ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, Região Metropolitana do Recife, ficando à disposição da Justiça.

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) ressaltou que não poderia fornecer detalhes adicionais sobre o caso, pois os processos referentes a crimes de cunho sexual são protegidos por sigilo judicial, conforme previsto no Código Penal Brasileiro.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem