Corpo de youtuber é encontrado enterrado em quintal de amigos

 

Carlos Henrique Medeiros, 26 anos, conhecido por seus vídeos de brincadeiras e pegadinhas na plataforma YouTube, foi encontrado sem vida no quintal da casa de um amigo, em Itapecerica da Serra, região metropolitana de São Paulo, no último dia 30. Com quase 2 milhões de inscritos, seu conteúdo variava de registros na Cracolândia, oferecendo auxílio a dependentes químicos, a simulações de situações cômicas, como tentativas de sedução.

Um dos vídeos mais assistidos, intitulado "Testei o quanto minha prima é safada (deu errado)", acumulou quase 10 milhões de visualizações. Entre suas brincadeiras, o principal alvo era seu pai, Antonio Medeiros, com gravações que iam desde fingir ter feito um piercing no nariz até simular a transformação de sua casa em um ponto de venda de drogas, para captar a reação do familiar.

Dois indivíduos, Renan José, 28 anos, e Caroline Mello, 24 anos, se entregaram à polícia um dia após a descoberta do corpo de Medeiros. Eles afirmaram que o jovem teria falecido enquanto mantinha relações sexuais com a irmã de 17 anos de Caroline, após consumir drogas durante toda a madrugada do dia 25. Confessaram também ter enterrado o corpo no quintal da residência.

"Imagino que não tenham chamado o socorro em decorrência de drogas no local e do desespero. Se isso for confirmado no laudo, eles só vão responder por ocultação de cadáver, não por homicídio", esclareceu o delegado Luis Eduardo Hellmeister, do 1º Distrito Policial de Itapecerica da Serra.

De acordo com o delegado, a menor de idade será ouvida, apesar das questões legais associadas à sua idade. "Ela foi a última pessoa que esteve com ele. Essa menina tem 17 anos e é irmã da Caroline. Então tudo indica que houve um consentimento", afirmou Hellmeister.

A investigação segue em curso aguardando os laudos necroscópico e toxicológico para determinar a causa exata da morte. As autoridades mantêm a possibilidade de investigação por homicídio, aguardando os resultados dos exames para esclarecer os eventos que levaram ao trágico desfecho do jovem youtuber.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem