Seis policiais militares suspeitos de tortura são afastados das funções

 

Seis policiais militares do 18º Batalhão foram afastados de suas funções após serem acusados de torturar dois homens, resultando na morte de um deles, no Cabo de Santo Agostinho, região metropolitana do Recife. A medida, determinada pelo secretário de Defesa Social (SDS), Alessandro Carvalho, terá validade de 120 dias, conforme anunciado na última semana.

Segundo denúncia do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), os soldados Alberto Miguel da Silva Neto, Silas Batista Santos Bezerra, Eimard de Andrade Boiba, Cainã Miraniel Aguiar dos Santos Gomes, Weslley Victor Messias Lima e Jandson Daniel da Silva Marques são acusados de submeter os dois homens a tortura em busca de informações sobre o paradeiro de uma arma de fogo, no dia 13 de julho do ano corrente.

Apesar do pedido do MPPE à Vara da Justiça Militar para decretar a prisão preventiva dos policiais, os mandados ainda não foram expedidos. De acordo com a denúncia, a abordagem aconteceu em Lagoa das Graças, Jaboatão dos Guararapes, quando os policiais verificaram registros criminais nos celulares dos homens pelo sistema Alerta Celular, além de irregularidades na documentação da moto de um deles.

Os homens foram detidos, algemados e conduzidos em uma das viaturas até uma região de canavial, onde teriam sido vítimas de tortura, conforme alega o MPPE. Relatos indicam que uma das vítimas teria sido agredida com tapas no rosto, soco no estômago e até mesmo sufocada com um saco plástico na cabeça. A outra vítima também teria sido brutalmente espancada, ficando em estado crítico. Além disso, os policiais teriam orientado a vítima sobrevivente a relatar que foram "vítimas de agressão por parte de inimigos", omitindo a ação policial.

Diego Tafarel Lima da Silva chegou sem vida à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Jaboatão dos Guararapes, enquanto o outro homem sobreviveu às agressões sofridas.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem