Polícia prende mulher acusada de matar ex no DF

 

Janeide da Silva, 44 anos, foi detida pela Polícia Civil do Distrito Federal, sob suspeita de ser a mandante do assassinato de sua ex-namorada, Jennifer Caroline Gomes, 33, ocorrido em 14 de outubro de 2021. A prisão preventiva de Janeide foi ordenada judicialmente, após indícios de que teria encomendado a morte de Jennifer, supostamente motivada pelo término do relacionamento entre ambas. As autoridades agora buscam pelo suspeito responsável pelo homicídio.

A prisão de Janeide foi realizada pelas equipes da 14ª Delegacia de Polícia, localizada na região administrativa do Gama, durante a Operação Falso Latrocínio, assim chamada devido ao fato de o assassino contratado ter simulado um assalto antes de disparar um tiro fatal contra Jennifer Caroline.

O crime ocorreu por volta das 6h, no Setor Leste do Gama, quando a vítima saía de casa para o trabalho. Segundo apuração da PCDF, Janeide tinha conhecimento da rotina de Jennifer e teria descoberto sobre o novo relacionamento da ex-companheira com outra mulher.

No dia do crime, Janeide e o assassino contratado, ainda não identificado, aguardaram em uma esquina até a aparição da vítima. Posteriormente, a suspeita teria dado um sinal para o executor simular um assalto, culminando na morte de Jennifer Caroline. Imagens obtidas pelo Metrópoles revelam que a vítima chegou a ajoelhar-se momentos antes de ser atingida pelo disparo.

Apesar de ter sido socorrida e hospitalizada, Jennifer Caroline permaneceu em coma durante dois meses, vindo a falecer em 23 de dezembro de 2021.




Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem