Marcelinho Carioca é sequestrado após sair com mulher casada

 

O ex-jogador de futebol Marcelinho Carioca, conhecido por sua trajetória no Corinthians, foi localizado em uma residência na tarde desta segunda-feira (18) em Itaquaquecetuba, na Região Metropolitana de São Paulo, após ter sido reportado como desaparecido desde domingo (17).

No dia do desaparecimento, Marcelinho havia saído de carro para um evento em Itaquera, na Zona Leste da capital paulista, porém não havia retornado. Atualmente residindo em Arujá, na mesma região, foi avistado pela Polícia Militar na Rua Ferraz de Vasconcelos, número 1.412. O local foi submetido a procedimentos periciais.

Inicialmente, a informação da polícia indicava que o ex-atleta estava vagando pela rua, porém, posteriormente, foi revelado que uma denúncia anônima levou à casa onde Marcelinho foi encontrado com um pano sobre a cabeça. Uma mulher também foi conduzida à delegacia para prestar esclarecimentos, juntamente com outras cinco pessoas que foram detidas.

Veja no vídeo depoimento do Marcelinho Carioca sobre o caso:

No entorno do local onde o carro de Marcelinho foi achado, também em Itaquaquecetuba, foram detidos dois homens e uma mulher. Durante a busca no veículo do ex-jogador, foi descoberto um simulacro de bala de airsoft. Marcelinho foi encaminhado para a Divisão Antissequestro.

A Polícia Militar transferiu Marcelinho Carioca da Delegacia de Itaquaquecetuba para a base da Divisão Antissequestro (DAS), no Centro de São Paulo, chegando por volta das 16h.

De acordo com Osvaldo Nico Gonçalves, delegado-geral da Polícia Civil, "Ele está bem. Falei com ele por telefone. Falei junto com o irmão dele, ele está bem. Ele saiu do PS e está vindo para cá."

Quanto ao vídeo que circula nas redes sociais, onde Marcelinho exibe um olho machucado, supostamente gravado em cativeiro, o delegado-geral afirmou que o ex-jogador terá a oportunidade de esclarecer os eventos.

Marcelinho Carioca teve seu início na carreira pelo Flamengo no final da década de 1980, contudo, foi no Corinthians, em São Paulo, que se consagrou como jogador. Além desses clubes, teve passagens por outras equipes. Após sua aposentadoria, atuou como comentarista esportivo e ingressou na esfera política. Até janeiro deste ano, ocupava o cargo de secretário de Esporte e Lazer de Itaquaquecetuba.

Em coletiva, Marcelinho Carioca comenta que tentaram extorqui-lo durante o sequestro. Veja no vídeo abaixo:




Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem