Ana Hickmann faz novo desabafo após sofrer agressão

 

A apresentadora Ana Hickmann usou seu canal no YouTube para compartilhar um desabafo sincero sobre os desafios que enfrenta desde que foi vítima de agressão pelo marido, Alexandre Correa. No vídeo publicado na noite de quinta-feira, 16 de novembro, Ana revelou sua atual condição emocional, priorizando a proteção de seu filho diante dos acontecimentos.

"Diante de tudo que está ocorrendo em minha vida, decidi me dirigir a vocês, que sempre estiveram ao meu lado. Existem muitas questões a serem abordadas, porém, em respeito ao meu filho e ao processo em andamento, isso ocorrerá no momento oportuno", afirmou a apresentadora.

Expressando gratidão pelo apoio dos fãs, amigos e familiares, Ana Hickmann reconheceu o suporte recebido, mas frisou que não se encontra em boas condições e ainda não está pronta para expor detalhes sobre a situação.

Veja no vídeo abaixo o depoimento da apresentadora:

"Esta vez não vou começar o vídeo com um 'Oi pessoal, tudo bem?', porque não está tudo bem! Está longe disso! Como mencionei na segunda-feira, ao retornar ao trabalho no programa Hoje em Dia, ainda não estou preparada para abordar certos assuntos, pois ainda há feridas abertas", explicou.

Como mãe de Alezinho, de 9 anos, Ana Hickmann destacou sua prioridade em proteger seu filho, que presenciou os episódios de conflito. "Não sou apenas uma mulher, sou mãe. E vou proteger meu filho de todas as maneiras possíveis. Ele é a coisa mais importante para mim. Por isso, não estou pronta para falar; ele precisa estar protegido", enfatizou.

Violência doméstica foi um dos pontos destacados no desabafo da apresentadora, que ressaltou a realidade enfrentada por muitas mulheres, sofrendo agressões físicas e psicológicas diariamente. Ana Hickmann expressou sua disposição em dar voz a essas vítimas.

"O que aconteceu comigo infelizmente é uma realidade para muitas mulheres. Espero que, juntas, possamos mudar essa situação", afirmou.

Por fim, Ana pediu desculpas por não apresentar o conteúdo usualmente leve e feliz. "Não tivemos um conteúdo alegre porque não havia motivos para tal. Não foi nem um pouco feliz. E continua sendo um momento extremamente desafiador. Apesar disso, não vou parar de viver, de buscar a felicidade, de lutar e de cuidar do meu filho", concluiu a apresentadora.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem