Motorista da Prefeitura da Carpina diz que foi ameaçado de morte

 

Um motorista da Prefeitura de Carpina é apreendido sob suspeita de auxiliar o fugitivo ligado ao homicídio de André Oliveira Pereira da Silva, reconhecido como André Mago, um empresário de 43 anos. O trágico incidente ocorreu na manhã do dia 10, no Loteamento Canaã, área rural de Carpina, nas instalações da Garagem da Prefeitura local, adjacente à rodovia BR-408.

O assassinato foi capturado pelas câmeras de segurança da prefeitura, que registraram o momento em que a caminhonete do empresário chegou ao local. Antes mesmo que André Oliveira Pereira da Silva pudesse sair do veículo, ele foi abordado pelo agressor, com quem iniciou uma discussão. A cena foi testemunhada por outros funcionários da prefeitura, alguns dos quais se aproximaram para intervir.

No calor da discussão, um terceiro homem, que estava no veículo do empresário, saiu do carro na tentativa de intermediar o conflito. Entretanto, a situação rapidamente se deteriorou em uma briga física, culminando com o empresário sendo atingido por pelo menos três disparos de arma de fogo. O ataque provocou a reação de alguns servidores, que se afastaram da cena, enquanto outros permaneceram no local.

O agressor conseguiu escapar após o ocorrido, ao entrar em um veículo conduzido por um cúmplice. As autoridades policiais estão investigando a participação desse segundo indivíduo, para determinar se ele agiu sob coerção ou não.

De acordo com informações de familiares, André tinha o hábito de iniciar suas manhãs no Bar da Fumaça, situado a poucos metros do local do incidente. Nesta ocasião, ele aproveitou sua visita ao estabelecimento para resolver uma pendência, o que resultou tragicamente em sua morte.

A Polícia Civil de Pernambuco emitiu um comunicado oficial informando que a Delegacia de Carpina instaurou um caso de homicídio consumado. Segundo as primeiras informações coletadas, a vítima, um homem de 44 anos, foi alvejada por múltiplos disparos de arma de fogo após um desentendimento com um indivíduo de 43 anos. O agressor conseguiu fugir e o corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). A investigação foi lançada e permanecerá em andamento até que todos os aspectos do incidente sejam devidamente esclarecidos.



Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem