Motorista de APP é preso após estuprar passageira no DF

 

A Polícia Militar do Distrito Federal PMDF deteve um motorista de aplicativo sob suspeita de agredir uma passageira que havia solicitado uma corrida em ÁguasClaras. De acordo com informações da PM, o indivíduo, de 25 anos, é acusado de desviar a rota original, estacionar em um local isolado e perpetrar o ataque contra a jovem de 18 anos.

O incidente ocorreu durante a noite deste último domingo, dia 13. "A viagem teve início em Águas Claras, com destino a Ceilândia. No entanto, ao chegar em um local ermo, o condutor alterou a rota, suscitando questionamentos por parte da passageira", relatou o sargento da PM, Rogério Lúcio Vieira, responsável pela prisão em flagrante do suspeito. Foi nesse contexto que o ataque aconteceu.

A vítima foi forçada a sair do veículo, e o motorista de aplicativo foi identificado após a jovem fornecer seu nome, fotografia e detalhes do automóvel.

O acusado foi detido em flagrante e conduzido à 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), onde a ocorrência foi registrada. Às autoridades, o motorista se recusou a fazer comentários sobre o incidente. A vítima, por sua vez, reconheceu o suspeito e passará por exames no Instituto de Medicina Legal (IML).

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem