Advogada é presa com drogas ao entrar em presídio

 

Uma advogada foi detida em flagrante por agentes da Polícia Penal do Distrito Federal ao ser encontrada tentando adentrar o Complexo Penitenciário da Papuda portando 99 gramas de cocaína e 25 gramas de maconha. As substâncias estavam ocultas em invólucros e foram localizadas em sua posse durante uma revista. A profissional, cuja identidade não foi divulgada, foi encaminhada à 30ª Delegacia de Polícia de São Sebastião, onde foi autuada por tráfico de drogas.

Segundo informações das autoridades penitenciárias, a advogada passou por um procedimento de scanner corporal antes de seu encontro com um cliente na Penitenciária do Distrito Federal II (PDF II). Após ser confrontada com a presença das substâncias ilícitas, ela admitiu a posse e as retirou das partes íntimas.

Todo o material apreendido, incluindo as drogas, foi levado para a delegacia como evidência. A advogada agora aguardará a audiência de custódia, um processo padrão que será conduzido pelo Núcleo de Audiência de Custódia (NAC) do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), marcado para a próxima quarta-feira, dia 9 de agosto.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem