Mãe denuncia negligência após bebê de 2 meses morrer a procura de atendimento

NA TV GUARARAPES

O período festivo do São João foi marcado por profunda tristeza para Cristina Gomes da Silva, de 31 anos, que perdeu sua filhinha, Aysha Cristine Gomes de Sena, com apenas dois meses de vida, vítima de bronquiolite. A bebê apresentava sintomas da doença desde a quinta-feira, dia 15 de junho. A mãe denuncia que houve negligência por parte da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Paulista, pois a levou à unidade por três dias consecutivos, sem que o diagnóstico da doença fosse realizado (quinta, sexta e domingo).

Somente no domingo, a mãe levou Aysha para a UPA de Olinda, onde finalmente houve o diagnóstico e ela foi internada. No dia 21, quarta-feira, a bebê precisou ser entubada e aguardava uma vaga na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Apenas na madrugada da sexta-feira da semana passada, um leito de UTI foi disponibilizado no Hospital de Palmares. Infelizmente, já era tarde demais, pois Aysha chegou sem vida ao hospital.

Veja no vídeo acima entrevista com a mãe da criança.


Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem