Bebê é transferido de helicóptero de Olinda a Palmares após esperar 10 dias por UTI

 

Na tarde desta terça-feira (27), um bebê com apenas dois meses de vida precisou ser transferido da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Olinda para o Hospital Regional de Palmares Doutor Sílvio Fernandes Magalhães, localizado na Mata Sul de Pernambuco.

O bebê, cuja identidade será preservada, aguardava há dez dias por um leito na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A transferência ocorreu por meio de um helicóptero da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O tráfego na PE-15, em Olinda, ficou paralisado durante um período, uma vez que a aeronave precisou pousar na própria pista. A viagem durou aproximadamente 30 minutos.

A médica Jaciara Bandan, responsável pelo acompanhamento do recém-nascido durante o translado, descreveu a gravidade do estado de saúde do bebê. Segundo ela, o bebê encontra-se em estado grave devido à bronquiolite viral e aguardava na UPA por uma vaga na UTI. Ele necessitava de cuidados intensivos devido à possibilidade de requerer um suporte mais avançado. Atualmente, o bebê já se encontra na UTI, recebendo a mesma ventilação não invasiva utilizada durante o transporte, por meio de uma máscara facial, conforme explicou a médica.

Postar um comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu.

Postagem Anterior Próxima Postagem